by Amita

Hégira

 

Êxodo, pela estranheza no reflexo temido do ainda-sempre a ser conhecido.
Evidências de algo de mim em todos, todos em partes de mim, in-completa natureza que, pelo avesso,
espelha minha condição de pequenina e também gigante, minha mente farta, meu coração forte.
Eu, partícula mutante, ser gerúndio!

bjs

_II_

 

 

Hejira

 

Exodus, due to the strange, scaring reflex of the yet-still to be revealed. Evidences of something of myself in everyone,
everyone in parts of my-self, in-complete nature which, inside out, mirrors my condition of being little and yet gigantic,
my plentiful mind, strong heart.
An ever changing particle, a gerund being!

lv

_II_

 

 



Escrito por amita às 22h49
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]

  Ver mensagens anteriores

links
  fiteiro
  música é o negócio
  impressoes de fevereiro
  spoiler
  lotta continua
  anaconda
  mude
  sovaco de cobra
  giralata
  gandalf
  poesia de latrina
  hora do café
  opyo
  impressões de ontem
  vita manifesta
  collective intelligence
  anita roddick
  no war blog
  night passage